comentar
publicado por Lisboeta1970-, em 18.05.14 às 21:45link do post | favorito

Ora, cá estamos, em pleno território nacional, para afirmar e comprovar que Portugal não paga o que deve, e além disso paga um salário mínimo nacional, ou similar, o qual tinha que ser 6 a 7 vezes superior, para estar ao nível da despesa europeia que cada um precisa para ter uma existência digna e saudável...

 

Quem o diz não são os trabalhadores, mas, os políticos suíços, esses verdadeiros amigos dos países pobres da Europa:

 

noticias.pt.msn.com/su%C3%AD%C3%A7os-rejeitam-introdu%C3%A7%C3%A3o-de-sal%C3%A1rio-m%C3%ADnimo-%C3%BAnico-de-3300-euros

 

É claro, que o povo suíço, ou melhor dizendo, o eleitorado, rejeitou tal imposição, não fosse o diabo tecê-las, e a empregada de limpeza comprásse um Ferrari a prestações (muitas prestações, mas, pagava o carro, a limpar o pó, a aspirar, e assim)... Quanto aos 3300 euros mensais, serve de prova, para toda a Europa, do valor mensal necessário para viver na Europa, sim, porque os políticos suíços não inventaram tal valor, é um valor calculado em função da verdadeira necessidade individual do europeu do século XXI. O socialismo, seja à esquerda, seja à direita, e mesmo o nazismo, e até o cristianismo, não serve à actual Europa (fascistas)! Nem aos direitos humanos! Nem aos direitos do trabalhador europeu! 

 

Já o trabalhador português vive num dos piores países do mundo, da actualidade, é pago a feijões, e ainda leva com o lixo da Europa... Turismo em Portugal é a maior anedota, só se fôr turismo para os europeus estrangeiros que sejam pobres nos seus próprios países! Quem quer dormir numa cama que foi feita por empregada que ganha quinhentos euros mensais, só se quiser apanhar uma carrada de ácaros, ou pior ainda, pulga, percevejo, carraça, e algum carrapato.

 

Quanto ao político português, fica claro e esclarecido, que são todos uns, grandes mentirosos, aldrabões, e coniventes com a exploração do trabalhador português; uns nabos que só servem para... Para nada!


comentar
publicado por Lisboeta1970-, em 07.03.14 às 00:45link do post | favorito

Lá diz o povo, não fode, nem sai de cima. Assim, estão os patrões velhinhos de Portugal.

 

rr.sapo.pt/informacao_detalhe.aspx?fid=24&did=141301

 

Bom, sei que não sou mais esperto que esses patrões, basta comparar a minha conta bancária com a da deles, mas, os trabalhadores portugueses nunca vão conseguir trabalhar mais, porque os salários são baixos, já o oposto, se os salários aumentarem, tipo, para o dobro, acredito que seja possível os trabalhadores portugueses produzirem mais. O contrário não, porque com, fraca alimentação, fraco vestuário, fraca habitação, ninguém consegue vencer no mercado laboral... E essas coisas da, alimentação, vestuário, habitação, são caras, especialmente se forem de qualidade de topo.

 

Já, o Belmiro, fala assim porque nas lojas do Continente e assim, não faz sentido pagar melhores salários, porque lá nã se produz, são serviços que só servem para gerar despesa e inflaccionar os preços, por isso, quanto mais devagar melhor, pois mais caixas têm de estar abertas ao mesmo tempo, e mais dinheiro se pode cobrar nos P. V. P. e facturar, e porque os salários são "peanuts"!


comentar
publicado por Lisboeta1970-, em 19.05.13 às 23:56link do post | favorito

Eu até posso ser, estúpido, parvo, ignorante, enfim, todas essas características dos que nascem pobres e sem fartura à mesa, mas, o que eu não compreendo é a fixação das televisões nacionais nos políticos, e daqueles que já faleceram, mas, que continuam a aparecer e a vencer, nomeadamente o Álvaro Cunhal, o qual que eu saiba, não passou de um simples secretário-geral de um partido político nacional...

 

alvarocunhal.pcp.pt

 

Lá que o homem seja considerado importante para os militantes do partido, e um exemplo a seguir pelos jovens militantes desse partido, tudo bem, mas, que interessa isso para a televisão nacional?

 

Querem vêr que se eu tiver dinheiro também consigo aparecer na TV, e obrigo um país inteiro a gramar, com a minha cara feiosa, e pior ainda, com o meu feitio horrível, já para não falar de uma mentalidade vazia e banal...

 

Um gajo paga a taxa do audiovisual, outros pagam o cabo, outros pagam a fibra, e depois é isto a toda hora, políticos vivos, políticos mortos, chiça, que tudo gira em torno desses inúteis e idiotas indivíduos...

 

Será que não há gente interessante neste país?

 

Será que tudo é permitido para incomodar os telespectadores?


mais sobre mim
Maio 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


pesquisar
 
blogs SAPO