comentar
publicado por Lisboeta1970-, em 27.10.13 às 11:06link do post | favorito

O comércio, na generalidade, sejam lojas de bairro, sejam grandes superfícies, neste território nacional, está sem artigos com a qualidade necessária para o consumo humano.

 

Desde as bebidas, tipo, garrafão de água mineralizada, até às massas alimentares, passando pela carne e frutos, está tudo fora de prazo, está tudo embalado, mas, nada corresponde ao que foi fabricado originalmente...

 

A escassez dos alimentos não é um mito, o que acontece é que os alimentos fabricados são poucos e caros, e o que muitos praticam é, embalar os alimentos destinados ao lixo, fora de prazo, ou no caso das padarias, e similares, fabricação com ingredientes (químicos) fora de prazo, e vendê-los a preços exorbitantes, como se fossem alimentos de qualidade, mas, não o são. Tudo para que possam ganhar dinheiro para comprarem os poucos alimentos de qualidade a que tenham acesso...

 

A água é o pior, porque ao usarem químicos fora de prazo, na purificação e desinfecção das águas, estão a criar um líquido, que quando ingerido provoca, queimadura, intoxicação, e infecção. Sendo esta água, a principal causa da pele vermelha, geralmente na face, e excesso de produção de seborreia, a qual se manifesta por caspa, a qual é eliminada assim que se deixa de ingerir essa água e alimentos cozidos com essa água (fritos, grelhados, e assados, são mais saudáveis). Também o pão é fabricado com essa água e geralmente causa pele vermelha e caspa, quando ingerido...

 

Depois, como se isto não bastasse, ainda temos os funcionários das lojas, tipo, mercearia, bares, restaurantes, os quais ou para aumentarem os lucros, ou para beberem e comerem de borla, juntam água da torneira a vários produtos, para fazerem mais quantidade desse produto, ou para o fazer pesar mais, arruinando o produto e causando prejuízo, tanto, a quem ingerir tal produto, como ao serviço nacional de saúde, como a toda a organização, pois tais pessoas geralmente deixam de conseguir trabalhar com o vigor necessário...

 

Enfim, um problema, que nunca terá solução, tão certo como sempre haverá o pobre e o rico (mas ambos comem aquela trampa, uns em pratos de plástico e os outros em porcelana com faqueiro de prata), e a ASAE apenas ataca aqueles que tentam produzir qualidade sem passar pelas autoridades, as quais sempre danificam a qualidade, para que tal não exista no mercado local (para poderem aplicar as coimas necessárias à sua existência)...


mais sobre mim
Outubro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11

13
14
16
18
19

20
21
22
23
25
26

28
30
31


pesquisar
 
blogs SAPO