comentar
publicado por Lisboeta1970-, em 25.09.13 às 22:31link do post | favorito

Tanta conversa sobre a União Europeia, e acho que sou o único que acha estranho não haver sequer um programa europeu para o queixoso publicar a sua alegação... Publicava que, furtaram o veículo, matrícula ZZ-00-00, na rua X, pelas horas tal do dia Z... Assalto à mão armada em pleno metropolitano de Paris, na linha Verde, na paragem Y, pelas horas tal do dia W...

 

Enfim, um sistema de informação, de acesso público na internet, tanto para o queixoso, como para o visitante, onde tudo podia ser consultado, em tempo real, com pesquisa por, país, cidade, data, etc., do local de ocorrência, para que se pudesse realmente analisar a educação de cada povo, rua a rua...

 

Mas, parece que tal TI, seria demasiado usado e nunca estaria online devido ao excesso de tráfego...

 

Além disso, parece que tanto para a Europa, ou neste caso, Portugal, não importa quem usufrui do bem ou serviço, mesmo que esse alguém não seja aquele que o pagou, porque no caso do bem, continuaria a circular no território, e por conseguinte continuaria propriedade desse território!

 

Já estou a vêr o Coelho, a ordenar por decreto em Diário da República, que o queixoso que não preenche-se o formulário online seria multado com coima de 5 a 10 dias, e que os serviços dos perdidos e achados, estariam abertos ao público sem internet, para preenchimento do formulário, após o pagamento da verba de 25 euros. Ou seja, era-se roubado e depois ainda tinha que pagar os emolumentos do serviço público (sempre a lucrar o estado português)...

 

Aliás os TI só servem para a factura da sopa que um gajo comeu no restaurante da badalhoca, e assim... A nojeira do comércio é que eles não colocam na factura... E já agora, também punham na factura, a designação daquilo que um gajo realmente comeu, o bife que o cão cheirou e não comeu, e o cozinheiro marinou na própria urina, ou diminuitivo para, coisa intragável, ou, come e cala...

 

Só que continua a ser roubos atrás de roubos, e até quando apanham o polícia em flagrante delito, depois vem a notícia que afinal apenas é alegado culpado, por falta de cem testemunhas (ou mais)...


mais sobre mim
Setembro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

16
17
18
19
21

26
28

29


pesquisar
 
blogs SAPO