comentar
publicado por Lisboeta1970-, em 26.01.13 às 02:16link do post | favorito

Isto do governo dizer que não se pode repetir, só dá para rir, conforme a notícia em rr.sapo.pt/informacao_detalhe.aspx?fid=25&did=94217...

 

O governo não manda em nada, nem em pessoas singulares, nem em pessoas colectivas... O governo, com as suas políticas, e directrizes, e legislação, causa a perda do poder de compra dos trabalhadores e pensionistas, e a miséria de todos os portugueses do território nacional, e o resultado está à vista, acidentes na CP, população sem fornecimento de electricidade, água poluída (tanto nas canalizações, como nos rios, e oceano), e muito mais prejuízo continuará a vir, e é culpa de falta de psicologia nas medidas governamentais, aliás, com as medidas que o governo está a tomar, eu diria que o que o governo pretende é a falência total de Portugal, com o colapso de todas as condições de uma existência confortável...

 

Por outro lado, no caso da falha eléctrica, tem a vêr com o que está estabelecido em território nacional, ou seja, centralização e distribuição, ora, se têm apenas uma linha de alta tensão e esta quebra, ficam milhares sem electricidade, o que é ridículo, pois linhas perto de árvores, perto da população, só pode é dar nisto... Porque razão não aproveitam para criar uma parceria entre a CP e a EDP, ou seja, colocar um reforço das linhas eléctricas, por cima das linhas de comboios e assim aproveitam o facto de tais linhas, estarem vigiadas, e protegidas da vegetação?

 

Mas, o ideal seria cada freguesia ter o seu próprio gerador, e a tecnologia actual, já permite ter geradores que gastam pouco e produzem muito, ou seja, não têm custos, e como fornecem electricidade a si próprios, tais geradores, não custam nada mantê-los a produzir, mas, é como o petróleo e assim, se tentam acabar com a dependência de tais fontes de energia, só dá é guerra, porque os que vivem do negócio de tais produtos, não pretendem abrir mão do negócio, e fechar "portas". Aliás, pagam a esses governos para impedir a entrada de tais tecnologias, e assim mantêr os portugueses com séculos de atraso, que nem escravos dos outros países!


mais sobre mim
Janeiro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11
12

14
15
16
18
19

20
21
22
23
24
25

27
28
31


pesquisar
 
blogs SAPO