comentar
publicado por Lisboeta1970-, em 16.11.11 às 20:41link do post | favorito

Vamos lá a ver se eu adivinho...

 

Então a RTP, informa que, vai fechar uma série de canais (RTP memória, RTP África, etc.), que vai vender a 2, mas, afinal onde está o progresso, progresso é quando há mais oferta, mais serviços, mais qualidade... Diminuir é a falência do regime...

 

O que mais me faz confusão, é o vender, ou privatizar, ou lá o que seja, da RTP-2; querem vêr que a RTP não tem dono, e meia dúzia de zés-ninguéns, também conhecidos por, directores, presidentes, etc., estão a chegar à idade da reforma (ou reforma antecipada), e quer fazer o "trespasse" do posto de trabalho (direcção da RTP e acesso aos seus bens), e chamam-lhe, venda, ou privatização, porque é isso mesmo que se deve passar... Querem, dinheiro, ou capital, ou lá o que eles acham que vale, e sem problema decidem o que fazer com aquilo que não é deles... Aliás o gajo que compre o que eles vendem, se quiser prova de que realmente não está a levar com o "conto do vigário", agarra naquilo tudo e vai para Bruxelas, emitir para a Europa, e que se lixe Portugal... Mas, acho que não dá, é daqueles casos, que compra, cá dentro, mas, fica cá dentro, que é o mesmo que dizer que não compra nada, nem privatiza, passa é a decidir quem vai contratar para director disto e daquilo, que é o mesmo que dizer que fica tudo na mesma... Aliás o mais certo é perder tudo, porque como pensa que é privado, mas não é, depois começa a ser penalizado por uso indevido de bens, pertencentes ao erário público (ou lá quem pagou por aquela tralha toda), e por violação dos estatutos e outros regulamentos que visam definir o uso que se pode fazer de tais equipamentos... Isto claro se souber sequer o que está a adquirir, circuitos de vídeo e aúdio, não deve ser, porque aquilo está tudo com décadas de atraso... Haja otários que o negócio do regime geral irá de vento em popa (sim, vento em popa, como homenagem aos antigos navegantes portugueses, os quais também devem ter "vendido" as embarcações dos descobrimentos aos espanhóis, pois, os africanos, e os americanos, e os asiáticos, recusavam-se a mandar o ouro para Portugal sem luta ou escravidão, o que dava uma trabalheira)...

 

Estas tretas de privatizações, faz-me lembrar o mercado imobiliário, onde um gajo adquire uma casa, paga pela casa, paga pelo registo no regime geral, e depois, finalmente quando a casa já é dele... Vai todos os anos pagar o IMI, o que equivale a uma renda, ou seja, compra uma casa, e fica arrendatáro municipal, vá-se lá perceber, afinal é dono do quê?

 

O povo diz que anda meio mundo a enganar o outro meio mundo, mas eu cá acho que estão todos enganados, é uma coisa muito estúpida, que não lembra nem ao diabo, é que nem há dinheiro, porque o valor é inválido, nem há aquisição, o que há é aqueles que trabalham e conseguem produzir bens que os outros querem, e aqueles que ficam com os bens que os outros produziram, e que usam o "dinheiro" para decidir quem fica com os bens... Ou seja, quem produz fica sem nada, e quem controla o "dinheiro" fica com tudo... Se isto não é a definição de estupidez, não sei o que seja, mas, também, ter estupidez, ou ser estúpido, não é crime... Vivam os estúpidos, vivam os parvos, otários também, etc.; neste mundo há de tudo, o problema, é quando o regime geral, quer dominar tudo e todos, para impedir a diversidade!

 

Depois para "proteger" o território temos os militares e outros agentes de segurança, mas, também isto tem muito de estúpido, pois protegem o território, para quê? Depois está tudo largado ao abandono... O que não falta neste território é casa abandonada, com os telhados a cair, tudo partido, mas se alguém quiser ali viver, ou praticar agricultura, etc., é proibido, e muitas vezes preso, por ocupação ilegal... Se houver alguém que perceba esta merda de mentalidades, diga qualquer coisa, que eu não percebo, nem nunca vou perceber...


mais sobre mim
Novembro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


pesquisar
 
blogs SAPO
subscrever feeds